Diferenças entre Hipnose de Palco e Hipnose Terapêutica

Diferenças entre Hipnose de Palco e Hipnose Terapêutica

Hoje vou de falar sobre as diferenças entre Hipnose de Palco e a Terapêutica. É muito comum os questionamentos sobre as técnicas e finalidades tanto dentro de clínica, quanto fora dela e, para aqueles que não conhecem o tema, quando chegam no consultório, identificam que possuem dúvidas se o processo é igual ao que viram na televisão.

A hipnose de palco possui um objetivo bem diferente da hipnose utilizada na clínica, inclusive as técnicas.

A hipnose de palco foi criada como uma forma de entreter, e até hoje é usada com esse objetivo, de diversão. Tanto na televisão como nas ruas, vemos que esse tipo de hipnose não oferece benefícios para quem participa, em muitos casos inclusive causa constrangimentos, entretanto, todos que participam aceitam tais brincadeiras.

Aqui abro um parênteses. Acredito que o importante é que independente de ser hipnose de palco, uma pessoa que se dispões a participar do processo, não fará nada que seja contra aquilo que acredita, ou algo que ela não faria devido a seus valores. Inclusive, durante todo o processo de hipnose a pessoa fica consciente, o hipnotizador não possui total controle sobre o hipnotizado e nem pode induzi-lo a praticar algo que não queira, porém o participante da hipnose de palco já se predispõe a participar desse entretenimento, inclusive com brincadeiras que lhe exponham.

Voltando ao tema, enquanto a hipnose de palco vem como uma forma de entretenimento/lúdica, a hipnose terapêutica possui um objetivo completamente diferente. O objetivo em clinica é tratar questões que angustiam o cliente, que dificultam sua qualidade de vida e pensamentos. Portanto, ela é utilizada em um processo para a cura e uma melhora da qualidade de vida, inclusive tendo como princípios o respeito mútuo e a intenção do cliente em tratar a causa raiz que o levou até o tratamento. As técnicas utilizadas são diversas dentro do processo hipnótico, sempre buscando o objetivo proposto entre o terapeuta e o cliente, tudo com total anuência do cliente, uma vez que a sua melhora depende dele mesmo e de seu comprometimento com o tratamento.

Fernanda Correa Brito Araujo
Fernanda Correa Brito Araujo

Idealizadora e supervisora clínica da Desenvolviver, a psicóloga Fernanda Correa Brito Araujo (CRP 06/102387) tem especialização em Psicanálise Clínica, Neuropsicologia e Psicologia do Trânsito, forte experiência em Perícia Forense, Psicologia Escolar e Recursos Humanos, com passagem por multinacionais como Roche, Allergan e General Eletric do Brasil.

Categorias
Veja também
Contato
Siga Nossas Redes