Abuso Sexual

por | nov 20, 2017 | Relacionamentos | 0 Comentários

O abuso sexual e as manifestações de violência sexual são temáticas tratadas como tabus, evitadas e negligenciadas nas conversas em geral, relegadas a segundo plano. São assuntos que chocam por trazer a tona aspectos relativos tanto a personalidade e agressividade do vitimizador quanto a impotência e fragilidade da vítima, assim como as consequências geradas. (FIORRELLI E MANGINI, 2015).
 

À vítima cabe o árduo papel de lutar pelos seus direitos além de lidar com a exposição do acontecimento divulgado vivenciada por ela nessa situação de objetificação e desrespeito. As consequências da vivência de uma situação de abuso podem acarretar dificuldades de adaptação afetiva e para estabelecimento de relacionamentos interpessoais, além de possíveis impedimentos ao exercício saudável da sexualidade, fobias, depressão, isolamento, sentimentos de estigmatização, ansiedade, dificuldades alimentares, dentre outros (FIORRELLI E MANGINI, 2015).

A vítima necessita de apoio para que encontre respaldo para suas angustias e sentimentos decorrentes da situação traumática vivida, para que possa ter voz diante de seu sofrimento.

Referências
FIORRELLI, J. O.; MANGINI, R. C. R.
Psicologia Jurídica. 6. ed. – Sao Paulo: Atlas, 2015.


Fernanda Brito

Fernanda Brito

Idealizadora e supervisora clínica da Desenvolviver, com especialização em Psicanálise Clínica e forte experiência em psicologia escolar e RH. Também promove palestras em empresas e eventos pelo Brasil, falando sobre temas como ansiedade, depressão, conflitos familiares, estresse pós-traumático, bullying, entre outros.


0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *