Como lidar com a ansiedade?

por | abr 9, 2020 | Questões Emocionais | 0 Comentários

Todo ser humano, em maior ou menor grau, tem ansiedade. A carga de preocupação que sentimos quando se aproxima uma viagem de lazer, uma festa de aniversário ou uma entrevista de emprego é muito normal, uma vez que são eventos de grande importância.

Porém, quando este sentimento paralisa e impede a realização de atividades simples dentro de casa ou no ambiente de trabalho, é preciso ser investigado com cuidado. Isso porque o excesso de ansiedade pode ser patológico e gerar problemas emocionais e até físicos.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 18,6 milhões de brasileiros, o equivalente a 9,3% da população, sofre de ansiedade. Esse dado tornou o Brasil o país mais ansioso do mundo em 2019.

Esse sentimento que causa incapacidade e preocupação de forma intensa e constante atinge mais mulheres do que os homens, ainda de acordo com levantamento da OMS.

 

Quando a ansiedade deixa de ser algo natural?

Normalmente, a ansiedade causa aquele famoso friozinho na barriga, aquela sensação de medo de que algo ruim ou que aparentemente não é de nosso cotidiano está prestes a acontecer. Mas, quando este sentimento faz as mãos suarem, o coração disparar, causa diarreia e vômitos, quer dizer que está saindo do controle.

Em certos casos, a pessoa vive rodeada de tantas preocupações, que acontecimentos rotineiros da vida, muitas vezes sem grande importância, tomam proporções inimagináveis, gerando ainda mais estresse e fortes alterações de humor.

Quem convive com a ansiedade também costuma sofrer por antecipação, porque sente medo de algo que ainda nem sabe ao certo o que é. E é justamente esta apreensão sem motivo aparente que acaba gerando descontrole, levando a ansiedade a se tornar um verdadeiro pânico.

LEIA MAIS: Como a psicoterapia pode ajudar pessoas que sofrem de síndrome do pânico

Quais são os sintomas da ansiedade?

Na maioria das vezes, os motivos que geram a ansiedade são pessoais, pois dependem de uma série de fatores que envolvem o passado e o situações do presente.

Por isso, ao identificar que a preocupação, o medo e a reação aos pequenos acontecimentos saem facilmente do controle, é importante procurar ajuda psicológica para identificar corretamente as origens do transtorno e as melhores soluções.

De uma maneira geral, as pessoas com ansiedade apresentam sintomas psicológicos e físicos. Os psicológicos são:

– Preocupação ou tensão em excesso
– Medos que não têm fundamento
– Perda de sono
– Dificuldade de concentração
– Mudanças repentinas de humor
– Focar os pensamentos de forma obsessiva
– Sofrimento com dores físicas
– Ataques de pânico

Já os sintomas físicos são:

– Aumento dos batimentos cardíacos
– Sudorese
– Respiração ofegante
– Sensação de fraqueza
– Tensão muscular
– Fortes dores de estômago

A ansiedade também pode envolver uma série de sentimentos, como insegurança, pensamentos negativos e baixa autoestima, sintomas que podem abrir portas para a depressão.

 

Como aliviar os sintomas da ansiedade?

Conforme comentamos anteriormente, quem sofre de ansiedade apresenta crises frequentes de preocupação e estresse. Para encontrar mais equilíbrio e encarar o dia a dia com mais leveza, seguem algumas dicas importantes:

 

Movimente seu corpo

Escolha alguma atividade física que você goste. Faça musculação, aula de jump ou de dança. Exercícios aumentam a sensação de bem-estar e ainda vão ajudar você a cuidar melhor do corpo e da saúde.

 

Pratique meditação

Ao meditar você aumenta seu poder de foco e de atenção, permitindo um controle mais eficiente sobre seus sentimentos e ações.

 

Aprenda a respirar

Inspirar e expirar de maneira correta são exercícios que vão ajudar você a controlar alguns dos sintomas da ansiedade, como os batimentos cardíacos e a sensação de pânico. Muita gente não dá a devida importância para exercícios de respiração, mas eles são parte importante no controle das emoções.

 

Alimente-se corretamente

Dê preferências a carnes, peixes, leite, ovos, frutas cítricas e outros alimentos naturais, repletos de nutrientes e proteínas que vão garantir a saciedade de maneira saudável e aumentar a sensação de bem-estar.

 

Procure ajuda psicológica

Quando a ansiedade compromete a qualidade de vida, é hora de procurar orientação profissional. Sessões de terapia vão ajudar você a entender as origens da ansiedade e buscar os caminhos certos para conviver melhor com as preocupações e desafios que a vida possui.

Se você precisa de ajuda para aprender a lidar com a ansiedade, conheça a clínica de psicologia Desenvolviver.

Criado em 2017, pela psicóloga Fernanda Correa Brito (CRP 06/102387), o consultório de psicologia está localizado próximo ao metrô Santa Cruz, zona sul de São Paulo, e conta com equipe de psicólogas experientes e com diferentes especializações, todas credenciadas no Conselho Regional de Psicologia.

Além do atendimento presencial, a Desenvolviver oferece a psicoterapia online. Para agendar a sua consulta, ligue (11) 98229-5799 ou mande um e-mail para recepcao@desenvolviver.com.


Fernanda Brito

Fernanda Brito

Idealizadora e supervisora clínica da Desenvolviver, com especialização em Psicanálise Clínica e forte experiência em psicologia escolar e RH. Também promove palestras em empresas e eventos pelo Brasil, falando sobre temas como ansiedade, depressão, conflitos familiares, estresse pós-traumático, bullying, entre outros.


0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *